9 de ago de 2010

No ponto de mingau

Eu estava fazendo um pavê. Resolvi dobrar a receita o que levou também o dobro de tempo no fogo.

Mexendo a panela, os ingredientes se misturavam: Leite, coco, leite condensado, gemas de ovos e amido de milho.

Mexia a panela fazia um tempão. Minha mão já estava doendo. Falta de costume de fazer comida. Eu olhei para aquela mistura e pensei que não ficaria pronta nunca.

Depois do tempo certo de cozimento, o leite ficou grosso, o creme apareceu na panela. Depois que os ingredientes cozinharam, o prato apareceu rápido, borbulhando no fogo. De leite ralo a creme de pavê. Hum! Uma delícia!

Quando vi aquele creme, orei. Disse assim: Deus, por favor, faz a minha vida tornar-se creme. Chega de leite ralo.

Entendi que, no tempo certo, aplicado o modo correto de se fazer, com os ingredientes na medida, a receita dá certo. A sobremesa fica pronta.

Igual aos planos de Deus. Depois que o Senhor trabalha em nossas vidas, chega o tempo das promessas se cumprirem. Então recebemos as bênçãos das mãos do Senhor que é sempre fiel.

De leite a creme. Deus tem delícias de bênçãos para entregar àqueles que esperam nEle.

Nenhum comentário:

Postar um comentário