26 de out de 2010

Flamengo sem pastor

O técnico do Flamengo, Vanderlei Luxemburgo, disse não para os cultos realizados antes dos jogos. Afirmou que, se permitir que um pastor faça reuniões, também terá que permitir que outros líderes religiosos tenham a mesma oportunidade.

O pastor Fernando, que organizava o culto, acredita que Vanderlei é um bom técnico e não ficou chateado com a proibição das reuniões motivacionais que agora acontecem somente na igreja Até Aqui nos Ajudou o Senhor, no Rio de Janeiro.

Mas as mensagens de apoio e incentivo são enviadas aos jogadores pelo celular e Twitter. Uma forma a mais de motivá-los para que façam bom trabalho, muitos gols e traga alegria para a maior torcida do Brasil.

Um comentário:

  1. paz
    mais uma desculpa pra sempre colocar uma barreira entre Deus e o mundo. Jogador é sempre tão assediado pelo diabo ( caso bruno ) que quando tem alguma iniciativa de se fazer algo diferente, como falar de Jesus a esse caras, aparece um zé como o luxa e faz isso.

    Deus abençoe
    Marcelo

    ResponderExcluir