21 de mar de 2011

Cebola, maná, leite e mel

No deserto, o povo judeu, depois de ser escravo, olhou para trás e teve saudade da cebola, do pepino, do alho, do peixe e do melão do Egito. Eles não percebiam o milagre do livramento e do propósito de Deus.

Antes escravos, agora estavam livres. Mesmo assim, queriam voltar à velha vida.

No deserto, comiam maná (pão à base de mel) que recebiam toda manhã por providência de Deus. Mas olhavam para o passado, lamentando a cebola e não visualizando o propósito e a provisão do maná. Era o milagre tão presente, mas o coração longe.

Como comer as delícias do leite e do mel com um coração e uma visão não modificados? Como alcançar a promessa diante da falta de decisão de romper com o que passou e não construiu?

Deus tem bênçãos novas para os Seus filhos todas as manhãs, quando as misericórdias dEle se renovam sobre as nossas vidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário